Blog

26.06.2019 | Notícias

Novos articulados e biarticulados da Volvo começam a circular no BRT de Bogotá

Sistemas BRT de alta qualidade, como o Transmilenio, são considerados uma das soluções para reduzir acidentes nas cidades

baixa_LXb1zkhNY6un2sI9Di8B0fEcSR

Os primeiros ônibus articulados e biarticulados Volvo que integram o plano de renovação da frota do Transmilenio, sistema de BRT de Bogotá, capital da Colômbia, já estão em operação.  Os novos veículos, 202 articulados e 134 biarticulados de um total de 700 unidades, vão aumentar a capacidade de transporte do Transmilenio, melhorar a mobilidade urbana e garantir mais conforto e segurança para o sistema.

Os modelos são equipados com avançadas tecnologias de segurança, como sistemas ABS, caixa de transmissão automática, freio a disco, EBS (um sistema de controle eletrônico dos freios que oferece mais eficiência e estabilidade às frenagens).

Os veículos também estão preparados para ativação de serviços conectados, como o Gerenciamento de Frotas, que apresenta um verdadeiro raio x da operação em tempo real, e o Controle Automático de Velocidade Volvo, um avançado sistema que usa a conectividade para limitar automaticamente a velocidade máxima do ônibus em pontos críticos, com alto fluxo de pedestres. Em Curitiba, a ativação do sistema nos ônibus que circulam em um dos principais corredores do BRT da cidade reduziu em 50% os acidentes.

Bogotá adotou, recentemente, o Vison Zero, programa de redução de acidentes que tem como diretriz que nenhuma morte no trânsito é aceitável. “É um plano ambicioso e desafiador, que está em linha que está linha com a visão Zero Acidentes do Grupo Volvo, que tem como ideal de futuro zero acidentes com os veículos da marca. As tecnologias de segurança e conectividade embarcadas nos nossos veículos certamente contribuirão para que a cidade avance na meta de redução de fatalidades no trânsito”, afirma André Marques, diretor geral da Volvo Buses Colômbia.

BRT como aliado da segurança

Os sistemas de BRT de alta qualidade reduzem pela metade as colisões fatais na cidade, de acordo com o relatório Sustentável e Seguro – Visão e Diretrizes Para Zerar Mortes no Trânsito, publicado do WRI  ROSS Center for Sustainable Cities e pelo Banco Mundial. O material fornece orientações sobre como criar sistemas de mobilidade seguros para todas as pessoas que transitam nas ruas.

O BRT é uma das oito ações apontadas pelo relatório que, aplicadas de maneira integrada, têm o potencial de diminuir riscos de acidentes nas cidades.  Em regiões planejadas para o transporte coletivo, a taxa de mortes em acidentes é cerca de 20% menor do que nas regiões planejadas para os carros.

“A instalação de um BRT normalmente agrega um conjunto de outras intervenções que contribuem para a redução de acidentes, como a melhoria de sinalização, de infraestrutura para pedestres, a construção de ciclovias e a readequação dos tempos semafóricos”, explica Marta Obelheiro, especialista em segurança viária da WRI Brasil.

Transmilenio

Operando desde 2001, o Transmilenio é um dos principais BRTs do mundo, sendo considerado um dos mais avançados sistemas organizados de transporte coletivo já criados. O sistema transporta atualmente 2,5 milhões de passageiros por dia em Bogotá e região metropolitana. Com os novos veículos, a capacidade do Transmilenio aumenta em 25%.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO