Blog

24.09.2019 | Notícias

Alerta que salva vidas

Safety talks 2 (1)

Há 40 anos a Volvo se estabelecia no Brasil, inovando o mercado com produtos de alta tecnologia e reconhecidos como os mais seguros do mundo. Encontrou no Brasil mais do que um mercado promissor. Encontrou um  país com uma realidade bastante distante da Suécia, sede do grupo Volvo, país que tem uma forte cultura de segurança. 

Já na década de 80, o Brasil contabilizava  50 mil vítimas de acidentes de trânsito ao ano. Ao completar 10 anos de Brasil,  a Volvo, reconhecida como a marca líder mundial em segurança e inconformada com o drama das ruas e estradas brasileiras, lançou a mais longa campanha em prol da vida: o Programa Volvo de Segurança no Trânsito. Desde então, o PVST tem realizado incontáveis iniciativas para ajudar o país a ter um trânsito mais justo e humano.

São contribuições do Programa,  o estabelecimento do Ano Brasileiro de Segurança no Trânsito, em 1989, a defesa da obrigatoriedade do uso do cinto de segurança em 1998 e o apoio para a renovação do Código Nacional de Trânsito, em 1997. Além de  inúmeras ações para ajudar a sociedade acordar para a necessidade de unir forças para reduzir o número de acidentes nas ruas e estradas e salvar vidas.

O Prêmio Volvo de Segurança já reconheceu mais de 500 iniciativas e projetos que comprovaram eficiência em educação de trânsito e redução de acidentes, servindo de inspiração para ações similares. Seminários, painéis, debates com diversos influenciadores na causa continuam como propósito do PVST para  ajudar a salvar o país de um drama que continua matando 36 mil pessoas ao ano. (*Fonte Datasus)

 De acordo com o Atlas da Acidentalidade no País, produzido pela Volvo com base no banco de dados da Polícia Rodoviária Federal,  o comportamento inseguro é o principal motivo de acidentes nas rodovias. E a falta de atenção lidera disparado a causa de mortes e ferimentos em acidentes de trânsito, responsável por cerca de 40% dos acidentes.  As outras causas mais letais são excesso de velocidade e desobediência à sinalização. “Trata-se de um quadro inaceitável”, argumenta Alexandre Parker, diretor de Responsabilidade Corporativa e Institucional da Volvo.  “Queremos ajudar o país a reduzir essa trágica realidade”, complementa.

 Com esse objetivo a Volvo aproveita seus 40 anos no Brasil para dar  mais um presente à sociedade: o aplicativo “Eu Rodo seguro”. Uma ferramenta que possibilita qualquer motorista que circule pelas rodovias federais a planejar a sua viagem e conhecer antecipadamente os trechos de maior risco de acidentes.  Um alerta que vai poupar muitas vidas.

 

 

 

 

DEIXE UM COMENTÁRIO